COMO TROCAR OS ACORDES NO VIOLÃO COM FACILIDADE

Se você é iniciante no estudo do violão é bem provável que suas mãos não têm muito sincronismo, os dedos ainda estão um pouco “duros” e ainda não conhece muito bem a posição dos acordes. E como trocar os acordes, para a maioria dos iniciantes é, com certeza, um enorme problema, separamos dicas preciosas que vão te ajudar a desenvolver a troca de acordes no violão, e ainda, sincronizar esses acordes com o ritmo. Não perca!

aula de violão

Um dos grandes problemas dos iniciantes do violão é na hora de trocar de acordes rapidamente. Este problema aparece geralmente nas primeiras músicas e exercícios de harmonia. Entretanto, precisamos sempre levar em consideração que não adianta querer aprender sem estudar e muito menos querer adiantar seu nível de estudo. Aprenda o passo a passo de cada nível para garantir o seu progresso.  Estude e relembre sobre as escalas, arpejos, ritmos, ritmos no metrônomo e etc, pois tudo isso fará sua técnica melhorar e consequentemente, a troca de acordes vai fluir.

TROCA DOS ACORDES

Normalmente, ao executar o acompanhamento de uma música, a mão que executa os acordes (mão esquerda) fica parada enquanto a mão direta faz o ritmo, até o momento de trocar a posição dos dedos da mão esquerda. Enquanto executamos o mesmo acorde, não ocorre nenhum problema, pois só a mão direita (mão que faz a batida) trabalha. Porém, na hora de mudar a posição, ou seja, o acorde, aí que pode complicar e acabar atrasando ou cruzando a batida.

Isso acontece porque não temos agilidade suficiente na mão esquerda para trocar o acorde no momento certo, sem que ocorram atrasos durante a execução de uma música, por exemplo. E a mão esquerda demora um pouco mais para obter agilidade mesmo. Isso é normal. Para melhorar é preciso muito treinamento e praticar os exercícios propostos, por isso deve-se tocar no mínimo 30 minutos todos os dias, principalmente para quem esteja iniciando.

Ao tocar observe sempre o posicionamento da mão esquerda e procure não fazer força excessiva quando for trocar de acorde. Na hora da troca é necessário que você alivie a tensão da mão.

 

DICAS PARA FACILITAR O PROCESSO DE TROCAS DE ACORDES,  SEM PERDER O RITMO

1 – Decore as Posições dos Acordes

Primeiramente aprenda a montar corretamente os acordes, depois terá mais facilidade quando iniciar o processo de treino para troca rápida. Querer tocar com rapidez sem ainda aprender a tirar um som bom e correto dos acordes, pode atrasar seus resultados, pois de que adianta trocar de acordes de forma rápida, porém de maneira errada?

Portanto, comece estudando e decorando os acordes mais simples, de preferência sem pestana, pra evitar que você desanime logo no início, por não conseguir alcançar as casas e tocar os acordes com perfeição.

Abaixo, alguns acordes para você começar a decorar:

 

acordes violão

Uma coisa muito importante que deve ser lembrada é que cada acorde tem sua NOTA do BAIXO em uma corda diferente. E você deve tocar cada acorde só para baixo, mas a partir da corda correta. Já pratique os acordes, decorando qual é a corda do BAIXO, de cada um.

 

2 – Pratique a Troca de Acordes, Sem Som

É isso mesmo, praticar sem produzir som! O objetivo é praticar a troca de cada dedo. Monte os acordes dedo por dedo (um de cada vez) e comece a praticar as repetições de troca de acordes, pois o progresso técnico vem com repetição.

Troca do C para o Am.

acordes violao

O único movimento que você precisa fazer para trocar de acorde é com o dedo nº 3, que sairá da 5ª corda, casa 3, para a 3ª corda, casa 2. NÃO tire os outros dedos do lugar, só movimente o dedo que for necessário, no caso, o dedo nº 3.

Pratique bem esses dois acordes e depois escolha mais outro dois e faça o mesmo. Repare quais dedos precisa movimentar de um para o outro e mantenha o restante fixo, pressionando as cordas certas.

Depois faça o inverso e quando conseguir fazer essas trocas, que são mais fáceis, comece a colocar outros acordes, inclusive com PESTANA.

 

3 – Pratique Contando os Tempos

Para quem está começando, o difícil é trocar os acordes na mão esquerda sem perder o ritmo na mão direita. Então, é recomendável treinar com um metrônomo primeiramente para aprender a contar os tempos. Isso facilitará na hora trocar os acordes.

Troca de Acorde Contando o Tempo

Faça cada acorde com uma batida para baixo e troque-o a cada 4 tempos.

Por exemplo:

Toque o C, só para baixo, e conte 4 tempos. Em seguida, toque o Am e conte mais 4 tempos. Depois comece tudo novamente, só com esses dois acordes, até conseguir fazer a passagem, de um para o outro, sem atrasar, dentro dos 4 tempos.

Estude inicialmente a troca de acordes com 4 tempos para cada acorde, troque para 2 tempos, e por fim, 1 tempo cada um. Isso exigirá de você mais agilidade e precisão.

 

4 – É Hora de Trocar os Acordes em um Ritmo

Depois de decorar os acordes e praticar a troca de um para o outro, é hora de acrescentar o ritmo. Comece com ritmos bem simples, básicos. Inicie tocando o ritmo num andamento bem lento, pra ter tempo de trocar os acordes. Na medida em que for melhorando a troca dos acordes, aumente o andamento do ritmo, até ficar natural.

Temos o reflexo natural de “parar” a mão direita (que faz o ritmo) no momento em que a esquerda está trocando de acorde, ou seja, só conseguimos mexer uma mão de cada vez, isso é um erro que deve ser corrigido.

O ideal é ir trocando o acorde enquanto a mão direita faz o ritmo, sem parar a música. E para isso é preciso muita coordenação.

 

Quando estiver aprendendo uma música com muitos acordes, treine parte por parte e se possível troca por troca. Passe para uma outra parte da música apenas quando concluir o treino de troca de acordes de uma parte, pois o objetivo final é que você conclua todas as trocas.  Para os iniciantes, procure começar treinando músicas e solos fáceis, porque elas vão te preparar para que você possa dar um passo a mais e aprender músicas mais difíceis e com mais acordes.

O que você aprendeu aqui traz resultados certos que só dependem de você. Por isso comece a aplicar o que aprendeu, e se quiser progredir mais no violão conheça o curso de violão completo do site ao clicar na imagem abaixo.

 

Veja também ‘OS DIFERENTES TIPOS DE PALHETAS”.

Deixe seu comentário, dicas e sugestões! Compartilhe com os amigos, curta nossa página no Facebook!

danieldarezzo

4 Comments

  1. estava precisando dessas dicas, muito bom……………..valeu moderadores(as)

  2. Muito bom o seu método de ensino, muito explicativo, gosto da maneira como é
    apresentada ás aulas. adquirir o seu seu curso através do hotmart, estou tendo um problema, não estou conseguindo acessar, por isso estou me virando aqui nesta página. já pedi ajuda. sucessos .

  3. Olá Samuel! Que bom que está gostando, fico feliz em saber!
    Quanto ao problema de acesso, envie um e-mail para contato@estudiodarezzo.com com o seus dados (e-mail e data de compra), para verificarmos a situação e resolvermos esse problema.
    Obrigado!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *