SOLOS NO VIOLÃO

Os solos muitas vezes intimidam aqueles que estão aprendendo a tocar, mas eles não precisam ser sempre um desafio. Solar exige técnica, paciência e conhecimento de escalas musicais e o solo deve estar em harmonia com a música, independente da velocidade em que você está tocando.  Portanto, hoje vamos falar um pouco mais sobre solos no violão. Não perca!

De origem italiana, solo significa sozinho ou a sós. Na música, solo é um trecho musical executado por uma só voz ou um só instrumento, com ou sem acompanhamento de um grupo instrumental ou vocal. Entretanto, os solos são uma parte bastante teórica da música. A maioria dos solos são compostos baseados em escalas musicais, fazendo adaptações necessárias, portanto é primordial estudar e praticar as escalas. Com determinação, paciência, estudo e treinamento, você vai conseguir!

 

Dicas para Aprimorar os Solos no Violão

aula de viola

1º: Pratique as escalas regularmente e toque-as nos dois sentidos. Mas, não tente tocar rápido logo no início, você irá evoluir muito mais se tocar o solo lentamente por 20 minutos do que se tentar tocar rápido por horas. Toque-o claramente, sem notas abafadas e ouça atentamente a correlação entre uma nota e outra. Quando tiver dominado a escala toda, você poderá tocar novos padrões:

Desça três notas, pule duas, volte três e assim por diante. Toque as notas 1-2-3, 2-3-4, depois 3-4-5, em uma sucessão rápida. Pequenos truques como esse vão deixar suas mãos mais ágeis, enquanto acrescentam variabilidade.

2º: Estude seus solos favoritos e pratique-os. Os solos não são apenas uma junção aleatória de notas em uma escala, mas uma sucessão de intervalos escalares que estão ordenados de forma precisa e melódica. Ouça alguns solos, cante-os e reproduza-os no violão para entender como eles funcionam.

3º: Aprenda novas técnicas para incrementar os solos. Existe uma gama de técnicas que você pode aprender como arpejos, vibratos, harmônicos, entre outros, para dar um toque especial à sua sequência. Nem todo solo requer técnicas avançadas, mas quanto mais você souber, mais efeitos sonoros poderão ser usados para dar mais brilho e vida na música.

A prática leva à perfeição. Pratique com exercícios de um método passo a passo. Aprender é sempre válido! Aprenda técnicas variadas de usos da palheta para ter mais opções e melhorar suas habilidades.

Veja também “DEDILHADOS NO VIOLÃO”.

Deixe seu comentário, dicas e sugestões. Pesquise em nosso Blog e compartilhe com os amigos! Curta nossa página no Facebook!

danieldarezzo

4 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *