O QUE É COMPASSO MUSICAL E COMO USÁ-LO

O que define um ritmo são as batidas e elas repetem-se continuamente durante a música. Para que saibamos qual é a batida forte e a fraca nem sempre basta ouvir, pois em algumas músicas não há nenhum instrumento marcando o ritmo. Mas, por que então conseguimos sentir o ritmo mesmo sem a marcação? Porque a música está dividida em compassos. Quando você bate palmas ou estala os dedos ao acompanhar uma música qualquer, está instintivamente marcando os tempos do compasso. Geralmente, é difícil para os iniciantes entender o que é um compasso musical e como usá-lo, por isso hoje vamos abordar sobre esse assunto. Confira!

O compasso musical é definido como um elemento que divide a música em intervalos de tempo iguais ou variáveis, com o objetivo de organizar a estrutura e facilitar a orientação, permitindo ao intérprete ou ouvinte organizar o ritmo de uma música. Esse intervalo de tempo é representado por barras verticais em uma partitura, por exemplo.

compasso musical curso de violão

Outra coisa essencial que devemos entender e lembrar é que o número de tempos de um compasso não precisa necessariamente ser o mesmo número de notas, ou seja, dizer que se têm três batidas em um compasso não quer dizer que se têm três notas.

 CLASSIFICAÇÃO DOS COMPASSOS

Os compassos podem ser classificados de duas maneiras:

1ª: Leva em conta o número de tempos que o compõem, ou seja, de acordo com o número de batidas.

Compasso Binário: Formado por dois tempos. Esse compasso tem duas batidas, sendo a primeira forte e a segunda fraca.

Compasso Ternário: Formado por três tempos. Esse compasso tem três batidas, sendo a primeira forte, a segunda e terceira fracas.

Compasso Quaternário: Formado por quatro tempos. Esse compasso tem quatro batidas, sendo a primeira forte, a segunda fraca, a terceira de intensidade média e a quarta fraca.

Compasso Alternado: Formado pela junção de dois ou mais tipos de compassos diferentes.

Quando o compasso tem dois tempos por compasso ele é classificado com Binário, se forem três tempos, Ternário, e se forem quatro tempos, Quaternário.  Em alguns casos mais raros, pode haver a alternância de compassos diferentes, chamado de compasso Alternado, Complexo ou Irregular.

2ª: Leva em consideração o tipo de divisão sofrida por cada tempo de compasso.

Compasso Simples:  Compasso cujos tempos podem ser divididos por dois, ou também podemos dizer que a unidade de tempo do compasso pode ser naturalmente repartida em duas partes iguais.

Compasso Composto: Compasso cujos tempos podem ser divididos por três, ou também podemos dizer que a unidade de tempo do compasso composto pode ser naturalmente repartida em três partes iguais.

Se o tempo sofrer uma divisão em duas partes, chamamos o compasso de simples, se ele sofrer uma divisão em três, o compasso é composto. Combinado as classificações de compassos, podemos obter, portanto, compassos binários simples, binário composto, ternário simples, ternário composto, quaternário simples, quaternário simples e compassos alternados.

FRAÇÃO DE COMPASSO

Frequentemente ouvimos dizer que uma música está em 3 por 4, 4 por 4, e por assim vai. Mas, o que isso quer dizer?

fração de compasso curso de violão

Essa fração é que nos indica (através do numerador) quantos tempos teremos em cada compasso, e (através do denominador) qual figura de som representará cada um desses tempos.

Convencionalmente as notas são chamadas de semibreve, mínima, semínima, colcheia, semicolcheia, fusa e semifusa. Dessa forma, atribuiu-se valores numéricos as notas.

 

notas musicais curso de violão

Assim, quando falamos em 4/4, por exemplo, o numerador quatro nos diz que cada compasso da música terá quatro tempos. Isso quer dizer que em quatro em quatro tempos iniciará um novo compasso, ou ainda, se cada tempo do compasso tiver um segundo de duração, a cada quatro segundos, passaríamos de um compasso para o seguinte. Já o denominador quatro, representa uma semínima, ou seja, a nota que corresponde ao número quatro.  Assim, o numerador indica o número de batidas e o denominador indica qual nota representa uma batida. Logo podemos deduzir que se a fração de compasso é 4/4, cada compasso será formado por quatro semínimas, ou figuras que equivalham às quatro semínimas.

compasso curso de violao

POR QUE DIVIDIR OS COMPASSOS?

Os compassos são divididos para o músico saber qual acentuação dar a música, isto é, quais as batidas serão fortes e fracas na música. A primeira batida de um compasso sempre é forte e no começo da partitura, por exemplo, é indicado qual é o compasso que estaremos seguindo, especificando sempre quantos tempos, isto é, quantas batidas teremos por compasso.

O tempo definido para o compasso está relacionado com a pulsação que a música possui. Normalmente, o compasso está marcando: o ritmo da música, a forma como os instrumentistas estão dividindo os acordes ou, simplesmente, o padrão rítmico que a melodia segue.

COMO DEFINIR UM COMPASSO PARA UMA MÚSICA

Alguns estilos musicais geralmente já presumem qual será o seu tempo. A valsa, por exemplo, possui o tempo ¾, uma batida forte seguida de duas batidas fracas . De um modo geral, o tempo mais comum de aparecer em partituras é o 4/4. Mas existem inúmeras possibilidades de tempos, portanto não se limite a tocar somente tempos “redondinhos”, estude e toque também tempos mais complexos. Isso vai enriquecer sua visão, além de te preparar para repertórios variados do ponto de vista de ritmo e compasso musical.

Lembrando que para quem está iniciando, uma ferramenta extremamente útil no treinamento rítmico é o metrônomo, auxiliando os estudantes no treinamento do tempo e oferecendo precisão para o aluno treinar e desenvolver sua percepção auditiva.

 

Veja também “O QUE SÃO ARPEJOS”.

Deixe seu comentário, dúvidas e sugestões! Compartilhe com os amigos, inscreva-se no nosso canal!

danieldarezzo

2 Comments

  1. estou gostando muito das aulas fico muito feliz em cada aula que chega

  2. Muito obrigado! Está dando pra acompnhar atranquilamente!?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *